Retirar o Glúten da Alimentação ajuda a emagrecer?

/
/
Retirar o Glúten da Alimentação ajuda a emagrecer?

Verdade ou mito: retirar glúten da alimentação ajuda a emagrecer?

Olha, miga, esse é um assunto polêmico, porque retirar glúten da alimentação virou uma febre em anos recentes.

Começou a pipocar em tudo que é canto. Influencer exaltando os benefícios da dieta sem glúten, receitas em revistas, na internet, enfim, de repente virou a sensação do momento da pauta nutrição. 

E quando algo viraliza, vira modinha, faz a cabeça de meio mundo, qualquer ponderação contrária dá margem para uma onda de indignação.

Complica ainda sobre esse assunto é que os resultados da dieta sem glúten não é uma ciência exata. Não garante resultados nem positivos ou negativos, depende de uma série de fatores.

Mas apesar de parecer complicado, entender se retirar glúten da alimentação faz diferença na hora de perder peso não é um bicho de sete cabeças.

Vou explicar tudinho para você neste artigo. Leia os próximos tópicos. Só vem!

O basicão sobre o glúten

Caso não saiba, glúten é uma combinação de proteínas que se encontra em grãos como cevada, malte, farinha de trigo, etc. 

Por isso, é um alimento muito presente na nossa culinária (no mundo todo, aliás). O nosso pãozinho francês sagrado de todos os dias, tem glúten, por exemplo. Por isso quem é intolerante a glúten, os celíacos, sofrem bastante para preparar sua alimentação. 

De onde surgiu essa história que retirar glúten da alimentação emagrece?

Esse papo começou quando se percebeu o que foi dito há pouco: glúten se encontra em quase todas as comidas que estamos habituados. Se encontra em massas, grãos, bebidas, etc.

Ele é figurinha quase certa em alimentos muito calóricos, daí veio à ideia de preparar uma dieta que exclui o glúten do cardápio. 

Mas é importante que entenda um ponto: uma coisa é está no grupo de alimentos calóricos que impulsionam nossos quilinhos a mais, outra coisa é ser a causa desses quilinhos a mais. 

Confesso que não sei o que veio primeiro nesse caso. Se houve uma interpretação equivocada apontando o glúten como responsável pelo aumento do peso, ou a galera entendeu simplesmente errado. 

O fato, a notícia do milhão, que talvez te faça cair da cadeira é que o glúten não é o vilão da história.

Retirar glúten da alimentação ajuda emagrecer ou não?

O que chamamos glúten não é o responsável por judiar a balança. Na verdade, ele cumpre até algumas funções importantes no nosso corpo. A insuficiência dessa substância no nosso organismo pode ser prejudicial. 

Ele ganhou a fama de ser o vilão da dieta por estar quase sempre presente nos alimentos apontados como bombas calóricas pelos nutricionistas.

Isso quer dizer que retirar glúten da alimentação não faz o menor sentido se a ideia é perder peso?

Não é bem assim. Lembra que falei que esse assunto não tem uma resposta tão fácil? Então, a estratégia de retirar glúten da alimentação faz sentido ao considerar que a redução de seu consumo significará a redução do consumo de alimentos calóricos. 

A lógica é simples e clara: comendo menos “besteira”, aumenta as chances de perder peso, de gastar mais calorias do que consumi-las. Porém, a eventual redução de peso não se dá exatamente pela exclusão do glúten da dieta. 

Esse conjunto de proteínas serve apenas como uma referência do que é melhor evitar botar pra dentro e o que é melhor priorizar em alimentos.

Se você comer algo que tenha glúten, não significa que seu esforço terá ido por água abaixo. Não, de jeito nenhum. Evitando o exagero, tudo bem vez ou outra comer algo que tenha glúten.

O grupo que precisa realmente retirar glúten da alimentação é o de celíacos, devido o nutriente causar fortes reações adversas. 

Ficou claro? Espero que sim, qualquer coisa é só deixar um comentário ou enviar uma DM no meu Insta, ok?

Dicas para retirar glúten da alimentação

A sua prioridade para retirar glúten da alimentação é saber quais são os alimentos que naturalmente tem glúten. Essa informação você pode ler no rótulo de alguns produtos, mas claro que é melhor você saber de cor os principais para ganhar tempo e evitar furos na sua dieta.

Passo a seguir os principais alimentos com glúten. Confira:

  • Centeio;
  • Cevada;
  • Farinha de trigo;
  • Malte;
  • Espelta
  • Sêmola;
  • Massas para mingau.

Muitas massas e doces também têm glúten. Como são muitos alimentos nessa categoria e boa parte deles fazem parte de nossa dieta, dedico uma sessão especial para eles:

  • Pizza;
  • Pães;
  • Bolos;
  • Salgados;
  • Biscoitos;
  • Macarrão;
  • Lasanha;
  • Pastel.

Bebidas também merece um tópico a parte. Há muitas bebidas com glúten, alcoólicas e sem álcool. Veja:

  • Cerveja;
  • Whisky;
  • Gin;
  • Ginger-ale;
  • Vodka;
  • Achocolatados;
  • Ovomaltine;
  • Bebidas com malte;
  • Cafés com cevadas.

Lembrando que não é pecado você comer um alimento que tenha glúten (se você não for celíaco, pois, do contrário, será um tremendo erro). Deve apenas se policiar e não exagerar. Consultar uma nutricionista é o mais seguro para fazer uma dieta saudável que não vá te exigir muito sacrifício.

Alimentos contaminados com glúten

Outro detalhe importante na hora de se planejar para retirar glúten da alimentação é verificar os alimentos que são “contaminados” por glúten. Ou seja, não têm glúten na sua composição, mas durante a fabricação entram em contato com produtos que têm as proteínas. 

Veja quais são os principais alimentos dessa categoria:

  • Queijos fundidos;
  • Aveia;
  • Batata frita congelada;
  • Almôndegas congeladas;
  • Sopas instantâneas;
  • Molho shoyo;
  • Carnes embutidas;
  • Bebidas em pó;
  • Ketchup;
  • Mostarda;
  • Maionese;
  • Feijão.

Entre outros.

Com dificuldade de retirar glúten da alimentação?

Olha, miga, se você precisa aderir a essa dieta e está com dificuldade, está achando sua vida muito sem graça, muito sem sabor, eu tenho uma dica especial para te dar.

É possível comer bem, ter acesso a um mundo de sabores incríveis mesmo evitando alimentos sem glúten. Afinal, se não fosse possível, viver seria insuportável para os celíacos. 

Pesquisando você vai encontrar alternativas interessantes, nutritivas e saborosas que se encaixam na sua dieta.

A dica que dou hoje é conhecer os doces das Delicias Fit. São doces produzidos com ingredientes naturais e com categorias especiais para celíacos, diabéticos, intolerantes a lactose e muito mais.

Vem conferir. Vem!

Gostou deste conteúdo explicando se retirar glúten da alimentação ajuda a perder peso? Se sim, por favor, peço sua curtida, compartilhamento e sua opinião. Sua participação conta muito para aprimorar o meu trabalho. Até a próxima!

Deixe um comentário

Comentários

Nenhum comentário para mostrar.

Instagram

Arquivos